segunda-feira, 12 de outubro de 2015

Magnus Chase e a Espada do Verão

“A vida de Magnus Chase nunca foi fácil. Desde a morte da mãe em um acidente misterioso, ele tem vivido nas ruas de Boston, usando de muito jogo de cintura para sobreviver e ficar fora das vistas de policiais e assistentes sociais. Até que um dia ele reencontra tio Randolph – um homem que ele mal conhece e de quem a mãe o mandara manter distância. Randolph é perigoso, mas revela um segredo improvável: Magnus é filho de um deus nórdico.
As lendas vikings são reais. Os deuses de Asgard estão se preparando para a guerra. Trolls, gigantes e outros monstros horripilantes estão se unindo para o Ragnarök, o Juízo Final. Para impedir o fim do mundo Magnus deve empreender uma importante jornada até encontrar uma poderosa arma perdida há mais de mil anos. 
Quando um ataque de gigantes do fogo o força a escolher entre a própria segurança e a vida de centenas de inocentes, Magnus toma uma decisão fatal. 
Às vezes é necessário morrer para começar uma nova vida...”
Magnus Chase é com certeza mais um dos sucessos de Rick Riordan. Como visto na sinopse, o livro fala da vida de” Magnus Chase” dentro do mundo da mitologia nórdica, algo que é feito de forma magnifica. O livro anda um pouco mais devagar comparado aos outros livros do autor mas exatamente por isso podemos nos sentir dentro estória, entendendo  cada momento e situação, captando cada parte da personalidade de cada personagem, até mesmo personagens que ao todo tiveram pouco tempo na trama conquistam você, fazendo  com que  você  tenha vontade de  vê-los novamente ao longo  estória.  Mas a melhor coisa no livro( que pra mim está presente em todos os livros do autor) é o jeito que ele  aborda a mitologia, fazendo com que tudo possa ser entendido de forma divertida; e não só a mitologia mas também a história do povo que seguia essa crença, nos proporcionando uma visão do mundo totalmente diferente, a visão de um povo de muito tempo atrás. Posso dizer que, o livro, é a melhor aula de  história viking que terá em toda a sua vida.
Enfim, indico muito o livro, até a próxima.
(Lauro)

Nenhum comentário:

Postar um comentário