domingo, 22 de novembro de 2015

Gypsy, Boho e Folk

A moda sempre se inspirou nos movimentos culturais e históricos para reproduzir novas tendências e estilos. Algumas inspirações são passageiras e outras nem tanto, como é o caso do 'gypsy', 'boho' e 'folk' que vieram para ficar tanto nas passarelas como na moda urbana. (GNT)

Eu sou uma pessoa louca e apaixonada por esses estilos, pena que não posso aderir-los. Nesse post eu falo das diferenças desses estilos e vários look's para vocês se inspirarem.


GYPSY: por conta da natureza nômade, existe uma dificuldade geográfica em classificar a origem do povo cigano. Cada clã provém de uma região, e por isso preserva tradições distintas, mas é inegável que as cores vivas estão presentes neste estilo.
Peças chaves: lenços coloridos, tecidos com aplicações de pedrarias ou bordados e acessórios de diferentes materiais.

 

  

 


Folk: a palavra deriva do inglês e significa ”povos”. Na ”Folk Music”, as inspirações vêm da tradição rural ou da música folclórica, elementos traduzidos pela moda através de peças rústicas e artesanais.
Peças chaves: tons terrosos que se misturam a flores campestres e estampas delicadas. Franjas, coletes, tricôs, botas pesadas e muita camurça.

   
  

    


Boho: vem de bohemian of soho”, movimento francês da década de 20, no qual um grupo de intelectuais acreditava na simbiose da moda e da arte. Já nas décadas de 60 e 70, o movimento tomou força no bairro do Soho, em Londres. O estilo mistura o hippie chic – movimento sessentista – com o boêmio e elementos étnicos.
Peças chave: túnicas, couro, padronagens fluídas, peles (fake), seda e muitos acessórios como o chapéu floppy.

   



 

Quero todas as roupas, apaixonada ever ♥

Continuem me acompanhando:

Nenhum comentário:

Postar um comentário